Cidades

Moradores trancam avenida de Várzea Grande por falta de água

Publicados

em

image_pdfimage_print

Um grupo de moradores interditou um trecho da Avenida da FEB, em Várzea Grande, às 8h da manhã desta segunda-feira (13).

O protesto bloqueou a pista para quem segue para Cuiabá. A interdição foi na frente da Loja Havan e gerou uma fila de veículos parados.

Os moradores envolvidos na manifestação denominada “Todos pela água” disseram que não aguentam mais viver sem água.

São vários bairros sem água prejudicando moradores de locais periféricos e também de bairros considerados “nobres” como Ipase, Costa Verde e Jardim Imperador, situados nas proximidades da Prefeitura de Várzea Grande.

No bairro Costa Verde, alguns moradores estão há mais de 20 dias sem receber uma gota de água nas torneiras.

Quem solicita um caminhão-pipa ao DAE precisa estar com a conta paga em dia, mesmo sem receber água, e ainda assim, fica aguardando por até 15 dias sem receber o produto.

Da Redação

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Caderneta de vacina agora é obrigado em hospitais de Cuiabá; VEJA
Propaganda

Cidades

Caderneta de vacina agora é obrigado em hospitais de Cuiabá; VEJA

Publicados

em

image_pdfimage_print

Com a publicação do Decreto municipal nº 8.332, nesta quinta-feira (2), passou a ser exigido de acompanhantes/visitantes de pacientes atendidos em hospitais e unidades de saúde públicas e privadas da Capital a apresentação da caderneta de vacinação comprovando ter tomado as duas doses ou dose única da vacina contra a covid-19 para poder ingressar e permanecer no local.

A medida visa preservar a saúde de quem já está imunizado, incentivar as pessoas que ainda não se vacinaram a procurar os postos de aplicação da vacina e evitar que uma nova onda de covid-19 se propague, uma vez que uma nova variante do coronavírus, denominado Ômicron, foi detectada no Brasil neste momento em que se aproximam períodos festivos, ou seja, ocasiões que podem gerar aglomerações e propiciar o contágio.

Durante coletiva de imprensa realizada na quarta-feira (1º), quando anunciou novas medidas de prevenção ao coronavírus, o prefeito Emanuel Pinheiro destacou que o objetivo não é prejudicar ninguém ou nenhum setor, mas sim atingir o quanto antes a maior cobertura vacinal da população cuiabana possível. “Eu quero que as 57 mil pessoas que não tomaram a segunda dose vão tomar a segunda dose. Eu quero que as 20 mil que não tomaram nenhuma dose vão tomar as duas doses e quero universalizar a vacinação dos adolescentes de 12 a 17 anos. São números preocupantes e estamos aí com a nova cepa rondando o Brasil e nós não poder fazer vista grossa a isso”, afirmou.

Leia Também:  ATENÇÃO: Mulher chega da África, “foge” de isolamento e vai passear em Shopping em MT

Com Assessoria

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA