.

Curiosidade

2,5 mil pessoas do interior furam fila e tomam vacina em Cuiabá; prefeitura aciona MP

Publicados

em

image_pdfimage_print

Foi detectada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) que 2.524 pessoas que tomaram a primeira dose da vacina Coronavac em outros municípios tiveram a segunda dose do imunizante aplicada em Cuiabá.

Os dados foram levantados pela coordenação da campanha “Vacina Cuiabá – sua vida em primeiro lugar”, de vacinação contra a covid-19 cruzando os dados do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI) com os cadastros feitos no site da campanha Vacina Cuiabá.

Na terça-feira (11), a SMS já havia divulgado que iria fazer o reagendamento das pessoas que iriam tomar a segunda dose da Coronavac, exigindo a apresentação do agendamento com o QR code no momento da vacinação, devido à grande procura em Cuiabá, uma vez que o imunizante esta em falta em diversas partes do país.

As equipes da campanha de vacinação estão solicitando comprovante de residência para evitar que faltem vacinas para os residentes em Cuiabá, o que não foi suficiente para impedir que pessoas de fora conseguissem ser imunizadas na Capital mato-grossense.

Leia Também:  Lázaro em MT? Cantor Vinícius Borges está com medo de ser confundido com assassino de Goiás após comparações e montagens feitas na internet; Veja vídeo

A coordenação da campanha de vacinação está fazendo a revisão dos cadastros salvos no site vacina.cuiaba.mt.gov.br e reagendando a segunda dose dos usuários.

A Secretaria de Saúde reforça a obrigatoriedade da apresentação do QR Code do agendamento no momento da vacinação, juntamente com documento com foto, comprovante de residência, número do cartão SUS e laudo médico, no caso de quem pertence ao grupo de pessoas com comorbidades.

Após a revisão da plataforma de dados salvos pelas pessoas que buscam a vacina contra a covid-19, todo o levantamento será encaminhado para os órgãos de controle – Ministério Público Estadual, Tribunal de Contas do Estado, Câmara Municipal e Polícia Civil, que já possuem acesso ao sistema, fornecido pela Secretaria Municipal de Saúde, inclusive com o treinamento dos servidores que possuem o login e senha de acesso.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Curiosidade

C.V obriga mãe dar 10 chibatada com fio de energia em adolescente por furta bisavô

Publicados

em

image_pdfimage_print

Na noite dessa sexta-feira (18) no bairro Bom Jardim, em Sinop (500 km da Capital), uma pré-adolescente de 12 anos foi chicoteada pela mãe, com fio de energia, por ordem da facção Comando Vermelho (CV).

A surra seria uma punição, já que a menor teria sido acusada de furtar dinheiro do bisavô

A mãe da menor compareceu à Delegacia de Polícia Civil, onde relatou o fato, registrou a ocorrência e denunciou os acusados de terem a obrigado a espancar filha.

De acordo com a mulher, ela e a vítima trafegavam numa motocicleta pelo bairro, quando foram abordadas por dois homens, reconhecidos como moradores do local, que a obrigaram a falar por celular com uma terceira pessoa, que estaria presa.

No telefone, o criminoso teria ordenado que a mãe desse 10 chibatadas na filha pelo fato da menina ter, supostamente, furtado dinheiro do bisavô. Caso a mulher se negasse a cumprir a ordem, os bandidos que tinham abordado elas dariam o castigo e além da menor, ela também seria agredida.

Ainda segundo a mulher, o criminoso preso ainda teria ameaçado toda a família dela de morte.

Leia Também:  C.V obriga mãe dar 10 chibatada com fio de energia em adolescente por furta bisavô

Diante das ameaças, a mãe deu as chibatadas na filha e obedeceu à facção.

O caso segue em investigação e os policiais trabalham para identificar os criminosos envolvidos no crime.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA