.

Curiosidade

Cuiabano engole palito de dente, passa mal e morre

Publicados

em

image_pdfimage_print
Um idoso de 78 anos morreu no Hospital São Mateus, em Cuiabá, após ter engolido um palito de dente.
Ele estava internado desde sexta-feira (26), por conta de dores abdominais, passou mal na madrugada de domingo (28) e não resistiu.
De acordo com a Polícia Civil, o idoso deu entrada no hospital com dores abdominais. Exames detectaram um palito de dente no organismo e realizaram uma cirurgia exploradora por vídeo.
Na madrugada de domingo, o paciente passou mal e sofreu uma parada cardiorrespiratória.
A equipe de plantonistas do hospital fez manobras de ressuscitação, mas sem êxito.
A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foi até o local e encaminhou o corpo para o Instituto Médico Legal (IML) para o exame de necropsia.
O caso foi registrado como morte a esclarecer sem indício de crime.
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Urgente; Vacinas contra Covid-19 podem estragar em Cuiabá
Propaganda

Curiosidade

Urgente; Vacinas contra Covid-19 podem estragar em Cuiabá

Publicados

em

image_pdfimage_print

A Prefeitura Municipal de Cuiabá, foi notificada pelo Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) para que adote providências para correção de inconformidades detectadas em inspeção realizada no local destinado ao armazenamento das vacinas contra a Covid-19 na Capital do Estado.

O conselheiro Antonio Joaquim disse na notificação, que a medida se faz necessária diante da projeção do recebimento de um número maior de vacinas contra a Covid-19 pelo município de Cuiabá, bem como da necessidade de realização de um trabalho em conjunto entre os órgãos públicos para mitigar os riscos e as deficiências no armazenamento e distribuição dos imunobiológicos.

Dentre as recomendações feitas à prefeitura, por meio da Nota de Fiscalização elaborada pela Secretaria de Controle Externo (Secex) de Saúde e Meio Ambiente do TCE-MT, está a instalação de alarme sonoro e/ou visual nas câmaras refrigeradas para indicação de porta aberta por tempo maior do que o permitido, conforme preconiza o Manual de Rede de Frio do Programa Nacional de Imunizações.

Leia Também:  Policiais Militares gravam clipe em homenagem aos 302 anos de Cuiabá; Veja vídeo

A Corte de Contas recomendou ainda a instalação, nas câmaras refrigeradas, de sistema de discagem automática para números pré-cadastrados em caso de queda ou oscilação na energia elétrica ou quando a temperatura variar fora dos parâmetros pré-estabelecidos para conservação das vacinas. Também foi apontada a necessidade de manutenção corretiva de um dos termômetros externos utilizados para monitoramento da temperatura.

Por fim, o Tribunal de Contas sugeriu a realização de registro documental de saída e entrada do número de vacinas movimentadas diariamente entre a Vigilância Epidemiológica (local de armazenamento das vacinas) e quaisquer locais utilizados para a vacinação, bem como solicitou o envio de informações por parte do município quanto a necessidade, ou não, de ampliação da capacidade de armazenamento dos imunizantes da Covid-19 e das demais campanhas nacionais de vacinação.

Foi fixado o prazo de 72 horas para que os gestores informem se atenderão as recomendações propostas pelo TCE-MT ou para que apresentem as justificativas sobre a impossibilidade ou inviabilidade de atender a Nota Fiscalizatória.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA