Esportes

Chamusca deixa o Cuiabá e vai suceder Rogério Ceni no comando do Fortaleza

Publicados

em

O Cuiabá acaba de informar que o técnico Marcelo Chamusca aceitou a proposta do Fortaleza e será treinador do clube, sucedendo Rogério Ceni que foi para o Flamengo. O Fortaleza vai pagar a multa rescisória por quebra de contrato (valor não informado). O seu auxiliar Caio Autuori e o preparador físico Roger Gouveia também acompanham Chamusca.

A saída é imediata e Chamusca nem vai dirigir o Cuiabá em um dos jogos mais importantes, esta noite, diante do Grêmio, pela Copa do Brasil. O time será dirigido interinamente pelo auxiliar-técnico Franco Muller.

Chamusca, ao comandar o Fortaleza, deixa o Brasileiro da Série B e passa a atuar na Série A, principal divisão do campeonato. Ele deixa o Cuiabá entre os três melhores da segundona, na zona de classificação para a elite ano que vem.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esportes

Jurídico do Flamengo vai denunciar empresário que doou 1 milhão a time de futebol

Publicados

em

Elusmar Maggi Scheffer, empresário, um dos maiores produtores rurais de Mato Grosso e morador de Cuiabá quer injetar mais dinheiro em um time de futebol.

Nesta semana, ele doou R$ 1 milhão ao time Internacional para que o lateral Rodinei pudesse ser escalado. Agora, ele quer investir no São Paulo para que o clube consiga um bom resultado contra o Flamengo, com isso, a diretoria do clube carioca promete agir.

“Manipulação de resultado sob qualquer forma é crime previsto no estatuto do torcedor, ainda mais quando são jogos da loteria federal. Hoje mesmo vamos encaminhar notícia crime ao MP [Ministério Público] e à polícia. Esse torcedor pode ser rico, mas vê-se que não é preparado”, disse Rodrigo Dunshee de Abranches, vice-presidente jurídico do Flamengo, no Twitter.

Os times irão se enfrentar na última rodada do Brasileirão no Morumbi, nesta quinta-feira (25). Para ser campeão, o Inter precisa vencer o Corinthians no Beira-Rio e torcer para que o Flamengo não derrote o São Paulo. “Esse Maggi vinculado ao Inter (com a complacência do clube) disse que no Rio de Janeiro, sabe que será roubado, referindo-se à empresa Maggi. Além da notícia crime contra ele pela promessa de fraude, nosso povo deveria boicotar todos os produtos da Maggi”, criticou Abranches.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA