.
.

Esportes

Técnico do Cuiabá é demitido após derrota do time

Publicados

em

image_pdfimage_print

Na noite de ontem (11), o técnico Luiz Carlos de Oliveira Preto, o Pintado foi demitido pelo Cuiabá após a derrota nos pênaltis para o Atlético-GO. A perca fez com que o Dourado fosse eliminado na terceira fase da Copa Brasil.

A disputa, realizada na Arena Pantanal, terminou sem gols e nos pênaltis o Cuiabá perdeu por 5 a 3. O time vinha em ascensão, porém, começou a cair na semana passada, quando foi eliminado da Copa Sul-Americana ao sofrer derrota de 2 a 1 contra o Racing da Argentina.

Pintado assumiu o comando do time em fevereiro e em pouco mais de três meses o Dourado conquistou o Campeonato Mato-grossense.

Sua demissão foi anunciada pelas redes sociais do clube e informou também que o time vai ficar ser comandado pelo auxiliar-fixo Luiz Fernando Iubel até que um novo técnico seja contratado. No domingo (15) o Cuiabá vai visitar o São Paulo no Morumbi.

 

Jornalista: Fabiane Serra

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Cuiabá recorre à CBF e emite nota contra 'pênalti inexistente"
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esportes

Cuiabá recorre à CBF e emite nota contra ‘pênalti inexistente”

Publicados

em

image_pdfimage_print

O Cuiabá vai entrar com um protesto formal na CBF contra o árbitro que apitou a derrota do Dourado por 2 a 1 para o São Paulo, no Morumbi, no último domingo (15), Alexandre Tavares de Jesus,

Segundo o nota emitida pelo Cuiabá, o juiz “Alexandre Tavares de Jesus fez sua estreia de forma esdrúxula e marcou um pênalti inexistente” e “deu-se ao luxo de não consultar o VAR sabe-se lá porque” no lance que resultou na expulsão do atleta Jonathan Cafú.

No lance do pênalti, a cabine do VAR não chamou o árbitro e manteve a decisão de campo. O argentino Jonathan Calleri converteu a penalidade máxima e empatou o jogo. Em outra polêmica, o VAR interveio no lance do atleta Jonathan Cafu e chamou o juiz para revisar o lance que nem falta tinha sido marcada.

“O Cuiabá informa que fará protesto formal na CBF, embora saiba que este tipo de atitude dificilmente gere alguma consequência palpável”, escreveu o clube em uma nota oficial emitida logo após a partida.

O Cuiabá perdeu para São Paulo no Morumbi por 2 a 1;

Leia Também:  Cuiabá recorre à CBF e emite nota contra 'pênalti inexistente"
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA