.

Mato Grosso

Indiavaí irá receber “Circuito Empreendedor” no dia 8 de julho

Publicados

em

image_pdfimage_print


Indiavaí (a 369km de Cuiabá) foi o município escolhido para dar início à terceira edição do “Circuito Empreendedor”, projeto realizado pela Secretaria Adjunta de Desenvolvimento do Ecossistema Empreendedor sob a chancela da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Sedec-MT), que tem  como objetivo incentivar os pequenos negócios no Estado.

A ação faz parte do programa “Pensando grande para os pequenos” desenvolvido pela secretaria com parceiros como os integrantes do Sistema S, federações representativas, instituições financeiras e entidades públicas.

As oficinas presenciais que vão ocorrer no dia 8 de julho, na Escola Municipal Arthur Mezanini, das 8h às 18h, visam atender a participantes dos 14 municípios que compõem o consórcio Nascente do Pantanal.

Na ocasião, os futuros empreendedores, microempreendedores individuais e empresários de pequeno porte vão obter informações sobre como é feito o registro de uma empresa, quais as linhas de crédito disponíveis para o setor escolhido, obter noções de empreendedorismo, bem como outros conhecimentos voltados ao desenvolvimento de negócios.

Leia Também:  Governo regulamenta regras para contratação de recuperandos

Conforme o secretário Adjunto de Desenvolvimento do Ecossistema Empreendedor, Celso Banazeski, essa é uma política pública de apoio aos pequenos negócios com foco no desenvolvimento social e sustentabilidade econômica.

“Com o circuito empreendedor levamos a informação até a ponta para fomentar os pequenos negócios, afinal são eles que fazem a economia girar nos municípios e geram 67% dos empregos formais no Estado. Criamos essa política para diminuir as desigualdades sociais e dar oportunidade a quem deseja empreender”, ressalta Banazeski.

Proteção

Embora seja um evento presencial, o ambiente será controlado atendendo às normas de biossegurança e combate ao coronavírus. Além do número limitado de pessoas por sala, no local estará disponível um totem com álcool gel, medidor de temperatura e máscara de proteção dos presentes.

O calendário de atividades do Circuito Empreendedor se estenderá até março de 2022.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Em Mato Grosso, 14 municípios estão com risco alto de contaminação pela Covid-19

Publicados

em

Por

image_pdfimage_print


A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) divulgou, nesta terça-feira (03.08), o Boletim Informativo n° 513 com o panorama da situação epidemiológica da Covid-19 em Mato Grosso.

O documento mostra, a partir da página 11, que 14 municípios registram classificação de risco alto para o coronavírus. São eles: Alta Floresta, Barra do Garças, Canarana, Cuiabá, Figueirópolis D’Oeste, Jangada, Nova Xavantina, Novo São Joaquim, Primavera do Leste, Salto do Céu, Santa Rita do Trivelato, São José do Povo, Sapezal e Vale de São Domingos.

Outras 127 cidades estão classificadas na categoria moderada para a contaminação do coronavírus. Nenhum município foi classificado com risco muito alto ou baixo para a Covid-19.

Novo método para classificação

O método para definir a classificação de risco dos municípios foi aprimorado. A mudança foi publicada no Diário Oficial do dia 25 de março de 2021. Desde então, não é levado em consideração apenas o número absoluto dos casos dos últimos quatorzes dias, mas sim a média móvel dos últimos quatorzes dias.

Leia Também:  Governo regulamenta regras para contratação de recuperandos

Assim, o município não sofrerá uma mudança brusca de um boletim para o outro; a cidade ficará na mesma categoria por pelo menos duas semanas, conforme sua média móvel de casos.

Também foi aperfeiçoado o cálculo dos casos acumulados. Antes eram considerados os casos acumulados a partir do dia 1º de dezembro de 2020. Com a nova metodologia, a análise será realizada sempre com base nos casos acumulados dos últimos 90 dias.

Confira as medidas de acordo com a classificação de risco:

• Nível de Risco MODERADO

a) implementação e/ou manutenção de todas as medidas previstas para o Nível de Risco BAIXO;

b) quarentena domiciliar para pessoas acima de 60 anos e grupos de risco definidos pelas autoridades sanitárias.

• Nível de Risco ALTO

a) implementação e/ou manutenção de todas as medidas previstas para os Níveis de Risco BAIXO e MODERADO;

b) proibição de qualquer atividade de lazer ou evento que cause aglomeração;

c) proibição de atendimento presencial em órgãos públicos e concessionárias de serviços públicos, devendo ser disponibilizado canais de atendimento ao público não presencial;

Leia Também:  Setasc realiza Encontro Estadual do Programa Criança Feliz

d) adoção de medidas preparatórias para a quarentena obrigatória, iniciando com incentivo à quarentena voluntária e outras medidas julgadas adequadas pela autoridade municipal para evitar a circulação e aglomeração de pessoas.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA