Mato Grosso

Prazo para inscrição no edital MT Preservar é prorrogado

Publicados

em

image_pdfimage_print


A Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT) prorrogou o prazo para inscrição no edital MT Preservar. Os interessados têm até esta sexta-feira (15.10) para protocolar a proposta. O investimento na ordem de R$ 3 milhões irá financiar a recuperação e requalificação de bens imóveis tombados, públicos e privados. Os recursos irão atender propostas que variam de R$ 50 mil a R$ 300 mil, distribuídas em três lotes de acordo com o tipo de proponente.

O MT Preservar vai contemplar imóveis pertencentes a pessoas físicas, organizações sociais e prefeituras em Mato Grosso, que sejam tombados isoladamente ou em conjunto, em âmbito municipal, estadual e/ou federal. Dentre os itens que podem ser propostos para obter o financiamento estão a recuperação de fachadas e coberturas, instalações elétricas, hidrossanitárias e de prevenção contra incêndio, obras de acessibilidade, intervenções para proteção de ruínas, projetos de arquitetura, e outros.

O formulário para apresentação da proposta e respectivas documentações, que incluem comprovante de propriedade ou de posse do imóvel, devem entregues em envelope lacrado no Protocolo da Secel, em Cuiabá. Também é possível encaminhar a documentação via Correios, desde que possua registro de entrega dentro do prazo estabelecido.

Leia Também:  Comando Geral da Polícia Militar define planejamento operacional para policiamento de fim de ano em MT

Acesse o edital MT Preservar, anexos e o novo cronograma aqui.

Serviço

Inscrições MT Preservar

Prorrogado até 15 de outubro de 2021

Horário de atendimento do protocolo: 08h às 12h e 14h às 18h

Endereço: Av. José Monteiro de Figueiredo, 510 – Duque de Caxias, Cuiabá/MT – CEP 78043-352

Acesso ao edital e anexos: www.secel.mt.gov.br/editais-cultura

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

SES repassa R$ 44,2 milhões a sete municípios via recurso do FEEF

Publicados

em

Por

image_pdfimage_print


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) transferiu o total de R$ 44,2 milhões a sete municípios de Mato Grosso. O valor é relativo ao Fundo Estadual de Equilíbrio Fiscal (FEEF) e deve ser destinado aos 11 hospitais filantrópicos contemplados pelo recurso.

As gestões municipais que receberam parte do valor foram: Cuiabá (R$ 30,4 milhões), Rondonópolis (R$ 9,4 milhões), Poconé (R$ 576 mil), Poxoréo (R$ 724 mil), Lucas do Rio Verde (R$ 1,5 milhão), Pontes e Lacerda (R$ 862 mil) e Vila Bela da Santíssima Trindade (R$ 561 mil).

Após a transferência dos valores via Fundos Municipais de Saúde, os municípios são responsáveis pelo direcionamento do recurso às instituições beneficiadas.

“Esse recurso faz a diferença nas gestões dos hospitais filantrópicos, que são essenciais para o funcionamento do Sistema Único de Saúde (SUS). Por isso, é impreterível que esses repasses cheguem, o quanto antes, às unidades beneficiadas”, ponderou o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo.

Foram contempladas as seguintes instituições: Hospital Geral (R$ 10,7 milhões), Hospital Santa Helena (R$ 8,3 milhões), Hospital de Câncer de Mato Grosso (R$ 8,3 milhões), Instituto Lions da Visão (R$ 2,9 milhões), Santa Casa de Rondonópolis (R$ 8,5 milhões), Casa de Saúde Paulo de Tarso (R$ 886 mil), Hospital Geral de Poconé (R$ 576 mil), Hospital e Maternidade São João Batista (R$ 724 mil), Hospital São Lucas do Rio Verde (R$ 1,5 milhão), Hospital Vale do Guaporé (R$ 862 mil) e Hospital Evangélico (R$ 561 mil).

Leia Também:  Adolescente embriagado atropela gravida e tenta fugir
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA