Mato Grosso

Quarta-feira (22): Mato Grosso registra 533.153 casos e 13.746 óbitos por Covid-19

Publicados

em

image_pdfimage_print


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quarta-feira (22.09), 533.153 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 13.746 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 651 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 533.153 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 3.703 estão em isolamento domiciliar e 514.899 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 136 internações em UTIs públicas e 90 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está 35,23% para UTIs adulto e em 16% para enfermarias adultos.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (110.078), Várzea Grande (37.537), Rondonópolis (37.519), Sinop (25.744), Sorriso (18.136), Tangará da Serra (17.671), Lucas do Rio Verde (15.559), Primavera do Leste (14.662), Cáceres (11.770) e Barra do Garças (10.549).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link

Leia Também:  Ager promove audiência pública para ouvir sugestões e propostas da população de Rondonópolis

O documento ainda aponta que um total de 386.221 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 116 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na terça-feira (21.09), o Governo Federal confirmou o total de 21.247.094 casos da Covid-19 no Brasil e 591.440 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país tinha de 21.247.667 casos da Covid-19 no Brasil e 590.955 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta quarta-feira (22.09).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

Leia Também:  Técnicos da Empaer aproveitam visita técnica para aperfeiçoar conhecimento

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

“Setor de base florestal apoia plenamente o programa Carbono Neutro MT “, afirma presidente do Cipem

Publicados

em

Por

image_pdfimage_print


O presidente do Centro das Indústrias Produtoras e Exportadoras de Madeira do Estado de Mato Grosso (Cipem), Rafael Masson, afirma que o setor apoia a iniciativa do Estado de implementação do Programa Carbono Neutro MT, lançado nesta segunda-feira (25.10). A meta voluntária do Estado é neutralizar os gases do efeito estufa até 2035.

“O Estado está levando mais uma bandeira muito forte para o mundo e para o Brasil, e o setor apoia plenamente o programa. Somos da base florestal, com muito orgulho, temos mais de 4,7 milhões de hectares em manejo sustentável no estado”, disse Masson durante a cerimônia de lançamento.

Com o fortalecimento das metas ambientais do Programa Carbono Neutro MT, a projeção é alcançar 6 milhões de hectares de manejo susntentável até 2030. O manejo sustentável é a estração de ativos da floresta com o menor impacto anbiental, preservando a mata em pé. 

O Cipem foi uma das instituições que aderiram ao programa como apoiadores, e que farão campanhas para disseminar as metas e os resultados. Também assinaram a Federação das Indústrias de Mato Grosso (FIEMT), a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato), a Associação dos Produtores de Soja  (Aprosoja-MT),  Associação Matogrossense dos Produtores de Algodão (AMPA), Instituto Mato-Grossense da Carne (Imac), União Nacional do Etanol de Milho (UNEM),  e Ação Verde.

Leia Também:  Ager promove audiência pública para ouvir sugestões e propostas da população de Rondonópolis

O Cipem é a união de oito sindicatos patronais de Base Florestal, que tem o objetivo de organizar e fortalecer o setor. Incentiva a produtividade e o consumo consciente de madeira e seus subprodutos de forma sustentável, com respeito a legislação vigente e em harmonia com o meio ambiente.

Carbono Neutro MT

O Programa Carbono Neutro MT foi instituído pelo decreto 1.160/2021, com o objetivo de fortalecer 12 ações que contribuem para o desenvolvimento sustentável, gerando o equilíbrio entre as emissões e remoções de gases do efeito estufa.

As medidas elencadas como importantes para a descarbonização de MT são:  a manutenção do ativo florestal do estado, manejo florestal sustentável, regularização fundiária, melhorias na gestão de áreas protegidas, reflorestamentos comerciais, restauração de florestas, redução do risco de incêndios, manejo sustentável para a produção agropecuária, proteção de vegetação secundária em áreas de desmatamento legal, recuperação de pastagens, integração lavoura-pecuária-floresta, e produção e consumo de biocombustíveis.

As ações serão ajustadas e revisadas constantemente para adequação às inovações tecnológicas e mudanças de conjuntura político-sociais. O decreto também institui o Comitê Gestor do Programa para monitorar os resultados.

Leia Também:  Seadtur contribui para formalização da Instância de Governança do Turismo da região Portal do Araguaia

Mato Grosso criou também quatro categorias do Selo Carbono Neutro MT: compromissário, apoiador, carbono 0%, e financiador. O selo será uma certificação importante para as empresas que querem mostrar o seu compromisso com o meio ambiente. 

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA