.

Mato Grosso

Sábado (27): Mato Grosso registra 250.526 casos e 5.786 óbitos

Publicados

em

image_pdfimage_print


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (27.02), 250.526 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 5.786 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 557 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 250.526 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 8.771 estão em isolamento domiciliar e 234.677 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 392 internações em UTIs públicas e 361 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 87,11% para UTIs adulto e em 41% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (53.656), Rondonópolis (19.387), Várzea Grande (15.878), Sinop (12.883), Sorriso (10.302), Tangará da Serra (9.981), Lucas do Rio Verde (9.332), Primavera do Leste (7.419), Cáceres (5.545) e Nova Mutum (5.064).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia Também:  Subtenente do Corpo de Bombeiros é o primeiro a ser imunizado em Cuiabá

O documento ainda aponta que um total de 215.765 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 890 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na última sexta-feira (26), o Governo Federal confirmou o total de 10.455.630 casos da Covid-19 no Brasil e 252.835 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 10.390.461 casos da Covid-19 no Brasil e 251.498 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados de sábado (27).

Recomendações

Já há uma vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

Leia Também:  Coletivo reúne ativistas, artistas e pensadores para debater pautas LGBTQI+

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
– Evitar contato próximo com pessoas doentes;
– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Seciteci realiza Seminário de Formação Pedagógica para capacitação dos profissionais do ensino técnico

Publicados

em

Por

image_pdfimage_print


A partir desta terça-feira (13.04), a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci) inicia o I Seminário de Formação Pedagógica com a realização de cursos on-line para a capacitação dos profissionais que atuam nas Escolas Técnicas Estaduais (ETEs) do Estado. A bateria de cursos terá duração de 15 dias, portanto seguirá até o dia 26.

A metodologia do projeto é desenvolvida por meio de aulas expositivas, debates e discussões em grupo, além de palestras realizadas por videoconferência por meio da ferramenta Google Meet, para que os profissionais que atuam nas unidades escolares da Seciteci possam aderir e participar.

De acordo o superintendente de Educação Profissional e Superior da Seciteci, Aryeh Hessel Craveiro, neste seminário serão ofertadas estratégias e diretrizes voltadas ao planejamento, execução e ensino a distância (EAD).

“Nosso objetivo é capacitar os servidores para que eles possam ser mais bem preparados para lidar com as novas ferramentas utilizadas para o EAD, além de contribuir para a melhoria da eficácia e qualidade do ensino nas nossas escolas”, disse.

Leia Também:  Sefaz divulga resultado da consulta pública sobre o PLDO 2022

A equipe da Seciteci propôs o seminário para capacitar os servidores e os tornarem aptos a lidar com novos instrumentos de ensino, e ainda solucionar as possíveis dúvidas que surgem, melhorando constantemente a atuação desses profissionais.

Segundo a coordenadora de Educação Profissional e Tecnológica da Seciteci, Ana Flavia Derze Soares, serão capacitados todos os profissionais que atuam na área de educação, garantindo qualidade no ensino profissional ofertado pelo Estado.

“Manter a equipe em constante aperfeiçoamento é importante para o que os conhecimentos necessários para o exercício das atividades educacionais sejam cada vez mais atualizados de forma a assegurar a qualidade da educação profissional ofertada pela Seciteci”, falou.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA