.

Mato Grosso

Secel prorroga inscrições do Bolsa Técnico até sexta-feira (23)

Publicados

em

image_pdfimage_print


As inscrições para o requerimento do benefício de Bolsa Técnico foram prorrogadas até sexta-feira (23.07). O edital faz parte do projeto Olimpus, conduzido pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT) e visa conceder bolsas de auxílio mensal a treinadores esportivos de Mato Grosso. Confira a retificação aqui.

Para se inscrever, o interessado deve protocolar os documentos indicados no edital devidamente preenchidos e assinados. Também é possível encaminhar a documentação por via postal com aviso de recebimento (AR) ou entrega rápida, em envelope lacrado. Em ambos os casos, a inscrição deve chegar dentro do prazo no protocolo da Secel, que fica na avenida José Monteiro de Figueiredo (Lava Pés), número 510, bairro Duque de Caxias I, em Cuiabá.

Nesta quarta-feira (21.07), o prédio da Secel onde fica o protocolo passa por processo de desinfecção. O expediente e o atendimento ao público serão retomados na quinta-feira (22.07), das 8h às 12h e das 14h às 18h.

Edital Bolsa Técnico

Os profissionais serão contemplados com valor mensal de R$ 1 mil, na categoria Bolsa-Técnico Nacional, e de R$ 1,5 mil na Nacional Elite. A principal diferença entre as categorias é a abrangência das competições em que os atletas treinados pelo técnico participaram, se nacional ou internacional. Ambas dispõem de percentuais de bolsas para treinadores de atletas com deficiência.

Leia Também:  Seplag capacita servidores sobre construção e análise de indicadores

A seleção pública abrange somente residentes em Mato Grosso há pelo menos dois anos. Além disso, o profissional deve ter registro de graduado ou de provisionado no Conselho Regional de Educação Física (CREF-17).

Serviço

Edital para a concessão de bolsa técnico

Inscrições prorrogadas: até sexta-feira (23.07)

Acesso ao edital e anexos: www.secel.mt.gov.br/editais

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Em Mato Grosso, 14 municípios estão com risco alto de contaminação pela Covid-19

Publicados

em

Por

image_pdfimage_print


A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) divulgou, nesta terça-feira (03.08), o Boletim Informativo n° 513 com o panorama da situação epidemiológica da Covid-19 em Mato Grosso.

O documento mostra, a partir da página 11, que 14 municípios registram classificação de risco alto para o coronavírus. São eles: Alta Floresta, Barra do Garças, Canarana, Cuiabá, Figueirópolis D’Oeste, Jangada, Nova Xavantina, Novo São Joaquim, Primavera do Leste, Salto do Céu, Santa Rita do Trivelato, São José do Povo, Sapezal e Vale de São Domingos.

Outras 127 cidades estão classificadas na categoria moderada para a contaminação do coronavírus. Nenhum município foi classificado com risco muito alto ou baixo para a Covid-19.

Novo método para classificação

O método para definir a classificação de risco dos municípios foi aprimorado. A mudança foi publicada no Diário Oficial do dia 25 de março de 2021. Desde então, não é levado em consideração apenas o número absoluto dos casos dos últimos quatorzes dias, mas sim a média móvel dos últimos quatorzes dias.

Leia Também:  RAIO fecha boca de fumo e desarticula quadrilha que aplicava golpes pela internet

Assim, o município não sofrerá uma mudança brusca de um boletim para o outro; a cidade ficará na mesma categoria por pelo menos duas semanas, conforme sua média móvel de casos.

Também foi aperfeiçoado o cálculo dos casos acumulados. Antes eram considerados os casos acumulados a partir do dia 1º de dezembro de 2020. Com a nova metodologia, a análise será realizada sempre com base nos casos acumulados dos últimos 90 dias.

Confira as medidas de acordo com a classificação de risco:

• Nível de Risco MODERADO

a) implementação e/ou manutenção de todas as medidas previstas para o Nível de Risco BAIXO;

b) quarentena domiciliar para pessoas acima de 60 anos e grupos de risco definidos pelas autoridades sanitárias.

• Nível de Risco ALTO

a) implementação e/ou manutenção de todas as medidas previstas para os Níveis de Risco BAIXO e MODERADO;

b) proibição de qualquer atividade de lazer ou evento que cause aglomeração;

c) proibição de atendimento presencial em órgãos públicos e concessionárias de serviços públicos, devendo ser disponibilizado canais de atendimento ao público não presencial;

Leia Também:  Operação Amazônia aplicou R$ 979 milhões em multa nos 7 primeiros meses do ano

d) adoção de medidas preparatórias para a quarentena obrigatória, iniciando com incentivo à quarentena voluntária e outras medidas julgadas adequadas pela autoridade municipal para evitar a circulação e aglomeração de pessoas.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA