Mato Grosso

Segundo leilão de bens inservíveis do Indea-MT arrecada mais de R$ 72 mil

Publicados

em

image_pdfimage_print


O Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea-MT) arrecadou R$ 72, 6 mil no leilão de bens inservíveis, realizado na última semana.  

No total foram disponibilizados cinco lotes para arremate de sucatas de ar-condicionados, informática, mesas, cadeiras, armários, fogões, geladeiras, equipamentos de classificação vegetal, entre outros móveis e equipamentos, por meio de lances na plataforma: www.chbarbosaleiloes.com.br.  

Os bens inservíveis foram vendidos no estado de condição que se encontravam, já que não atendiam mais as necessidades do Instituto e por serem economicamente inviáveis a manutenção e conserto desses bens.

A venda dos bens atende à Lei Estadual nº 11.109/2020, que estabelece a destinação correta dos bens inservíveis estaduais. Bem como, contribui para a arrecadação de fundos que são revertidos aos cofres públicos, favorecendo órgãos ou entidades que realiza o leilão.

Este é o segundo leilão realizado pelo Indea-MT neste ano, o primeiro foi de veículos inservíveis, que ocorreu no mês de junho.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Setasc inaugura posto de atendimento do Sine em Brasnorte
Propaganda

Mato Grosso

SES repassa R$ 44,2 milhões a sete municípios via recurso do FEEF

Publicados

em

Por

image_pdfimage_print


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) transferiu o total de R$ 44,2 milhões a sete municípios de Mato Grosso. O valor é relativo ao Fundo Estadual de Equilíbrio Fiscal (FEEF) e deve ser destinado aos 11 hospitais filantrópicos contemplados pelo recurso.

As gestões municipais que receberam parte do valor foram: Cuiabá (R$ 30,4 milhões), Rondonópolis (R$ 9,4 milhões), Poconé (R$ 576 mil), Poxoréo (R$ 724 mil), Lucas do Rio Verde (R$ 1,5 milhão), Pontes e Lacerda (R$ 862 mil) e Vila Bela da Santíssima Trindade (R$ 561 mil).

Após a transferência dos valores via Fundos Municipais de Saúde, os municípios são responsáveis pelo direcionamento do recurso às instituições beneficiadas.

“Esse recurso faz a diferença nas gestões dos hospitais filantrópicos, que são essenciais para o funcionamento do Sistema Único de Saúde (SUS). Por isso, é impreterível que esses repasses cheguem, o quanto antes, às unidades beneficiadas”, ponderou o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo.

Foram contempladas as seguintes instituições: Hospital Geral (R$ 10,7 milhões), Hospital Santa Helena (R$ 8,3 milhões), Hospital de Câncer de Mato Grosso (R$ 8,3 milhões), Instituto Lions da Visão (R$ 2,9 milhões), Santa Casa de Rondonópolis (R$ 8,5 milhões), Casa de Saúde Paulo de Tarso (R$ 886 mil), Hospital Geral de Poconé (R$ 576 mil), Hospital e Maternidade São João Batista (R$ 724 mil), Hospital São Lucas do Rio Verde (R$ 1,5 milhão), Hospital Vale do Guaporé (R$ 862 mil) e Hospital Evangélico (R$ 561 mil).

Leia Também:  Indea prorroga vacinação contra febre aftosa até 10 de dezembro
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA