Municípios

Cidade decreta estado de emergência por falta de água

Publicados

em

Por falta de chuva, os moradores da cidade de Tangará da Serra (241,6 km de Cuiabá) estão vivendo com dificuldade. A prefeitura da cidade já decretou situação de emergência por falta de água pois não chove o suficiente para encher os reservatórios.

As pessoas que não tem condições de buscar água nos locais de distribuição, precisam depender de ajuda voluntária. Em um decreto assinado dia 24 de novembro, contra que os níveis de agua estão muito baixos e que devido as altas temperaturas, a população tem aumentado o consumo do líquido.

Segundo o prefeito Fábio Junqueira (MDB), para driblar a situação, o abastecimento tem sido feito por meio de caminhão-pipa. A distribuição é feita em pontos estratégicos da cidade e a comunidade busca conforme suas necessidades básicas.

“São colocados diversos poços artesianos à disposição da população que dispõe de caminhonete com caixa d´água. Os pipas distribuem agua nos bairros de acordo com cronograma divulgado diariamente”, informou o gestor.

Além dos caminhões, o prefeito informou que foi feita uma transposição de água da bacia do córrego do Russo para o rio Queima Pé, onde fica a estação de tratamento e distribuição da água.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Projeto proíbe governo de transferir ao cidadão responsabilidade pela vacina contra Covid-19
Propaganda

Municípios

Seminário Novos Gestores terá continuidade nesta sexta-feira

Publicados

em

Por


A programação do Seminário Novos Gestores desta sexta-feira (22) vai abordar vários temas importantes para a administração municipal, como previdência, governança municipal, iniciativas sociais, educação, orientações jurídicas, e Marcha a Brasília. O evento, que reúne prefeitos do Centro-Oeste e Norte, teve início nesta quinta-feira, sob a coordenação da Confederação Nacional dos Municípios.

O evento foi idealizado com objetivo de promover excelência na gestão municipal e a melhoria da qualidade de vida da população brasileira. A partir dessas premissas, o seminário também é uma forma de os municipalistas conhecerem  diversas normas vinculadas à administração pública. Além de palestras e orientações segmentadas, os participantes também vão conhecer iniciativas bem-sucedidas, além da  pauta prioritária de atuação nacional. Confira abaixo a programação desta sexta-feira.

2º DIA

9h

Abertura

  • A trajetória construtiva do movimento municipalista brasileiro e o protagonismo da CNM

  • CNM Qualifica

A Previdência e suas implicações na gestão

  • A previdência geral; os regimes próprios

  • O endividamento e o encontro de contas

10h

Alternativas para a governança municipal

  • Consórcio público: como esse instrumento pode contribuir na sua gestão?

  • A Plataforma Êxitos e as informações para captação de recursos

  • As Transferências Voluntárias e a Plataforma + Brasil

  • Cidades Inteligentes e Inovação na gestão pública

11h

Projetos CNM – Iniciativas sociais

  • A atuação da CNM na área da cultura para a gestão municipal

  • Políticas Públicas para a Juventude

  • Movimento Mulheres Municipalistas: representação feminina na política municipal

  • Operação Acolhida e Interiorização + Humana

  • UniverCidades: inovação e boas práticas municipais

  • Projeto InovaJuntos: cooperação internacional para inovação na gestão municipal

11h40

O atendimento direto aos Municípios

  • O pré-atendimento e os benefícios de ser Município contribuinte

  • A área institucional e o contato com o gestor municipal

  • As áreas técnicas no apoio à gestão

INTERVALO

13h30min

Desafios da gestão da educação nos Municípios em tempos de pandemia

  • Calendário escolar 2020/2021

  • Financiamento da educação municipal e novo Fundeb

14h30

Orientações jurídicas para uma gestão correta

  • A organização administrativa; os assessores, a qualificação e o nepotismo

  • Os Termos de Ajustamento de Conduta e suas armadilhas

  • A LRF, o planejamento, os limites e os controles

  • As despesas com pessoal; as vedações da LC 173/2020

  • A transparência; a Lei de Acesso às Informações Públicas e o CIC

  • as ouvidorias e a Lei 13.460/2017

  • O Controle Interno e as falhas mais comuns apontadas pelos órgãos de controle

  • Os atos administrativos, e a responsabilização dos Agentes Públicos – Dec.Lei 201/67; a Lei 10.028/2000; a Lei de Improbidade Administrativa

  • Compras Públicas (Lei 8.666)

  • Compliance e integridade

  • Governança Pública

16h30

Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios: força e representatividade do maior evento municipalista da América Latina

17h

Encerramento

Fonte: AMM

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Vacinas são enviadas via transporte aéreo e terrestre aos 16 polos regionais do Estado
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA