Nacional

Diretor responsável pelo Enem morre de Covid-19

Publicados

em

Faleceu vítima de covid-19 nesta última segunda-feira (11), o diretor de Avaliação da Educação Básica do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), general Carlos Roberto Pinto de Souza.

O militar comandava a diretoria responsável pela elaboração do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), marcado para os dias 17 e 24 deste mês.

O comunicado do Inep em nenhum momento revela a causa da morte, mas, de acordo com apuração do jornal Folha de São Paulo, o general morreu em Curitiba (PR), onde se tratava da doença Covid-19 desde dezembro.

“A presidência do Inep, em nome de todos os seus colaboradores, agradece o trabalho desempenhado com dedicação, entusiasmo, responsabilidade e senso ético pelo diretor Carlos Roberto. Seu nome estará registrado na história do Inep”, diz nota divulgada pelo Inep nesta segunda.

Adiamento 

Na sexta-feira 8, a Defensoria Pública da União pediu à Justiça o adiamento da realização das provas, mas ainda não obteve resposta.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  PM vai a prostíbulo atender uma denuncia, se embriaga e é preso pelado no local
Propaganda

Nacional

VÍDEO Revoltante: Sozinha e com fome, criança come fezes em casa tomada pelo lixo

Publicados

em

Uma cena absurda está deixando as redes sociais revoltada com o completo descaso e abandono de três crianças pequenas com idades de 3, 4 e 7 anos. O caso aconteceu em Goiânia, no setor Vila Finsocial e as crianças foram encaminhadas a um abrigo. Os adultos que deveriam ser responsáveis pelas crianças foram presos pelo crime de abandono de incapaz.

Dentre as 3 crianças, a maior de 7 anos possui deficiência mental e foi encontrada sem nenhuma peça de roupa em uma das camas da residência enquanto comia fezes. Um conselheiro tutelar que contou que a situação foi descoberta graças a denúncias feita por vizinhos que testemunhavam a situação degradante das crianças.

Ao chegar no local, o conselheiro tutelar encontrou as crianças de 3 e 4 anos na rua, sozinhas. Dentro da casa ele encontrou um ambiente completamente insalubre. Havia fezes e urina no chão, lixo, roupa espalhada pela casa e bichos. Além disso, na geladeira da casa não encontraram nenhum alimento.

“A residência estava fedendo muito. Havia fedor de urina e fezes. A criança que possui deficiência mental foi encontrada sem roupa em uma cama e estava comendo fezes. Uma situação completamente desumana, de abandono e negligência”

Leia Também:  Bolsonaro cumprimenta Biden e diz ver 'excelente futuro' para a parceria Brasil-EUA

A mãe das crianças alegou que tinha saído cedo para trabalhar e que deixou as crianças com o marido. Entretanto o homem que não estava em casa e contou à polícia que tinha abandonado as crianças com a mulher.

Resgate das crianças

Tanto a criança que comia fezes quanto as outras foram devidamente resgatada na quarta-feira(20) e levados para uma tia que mora em Tocantins e terá melhores condições para cuidar das três crianças.

Fomos para verificar como estavam as questões de higiene, se teriam condições de receber essas crianças. É uma família humilde, mas que demonstrou todo o cuidado e preocupação com os menores.”, disse o conselheiro tutelar

Veja a situação de como as crianças foram encontradas:

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA