Nacional

Vídeo mostra que mãe morreu para salvar a filha das facadas do ex; Cenas fortíssimas

Publicados

em

Câmeras de segurança flagraram o momento em que Diego Nunes Freitas, 40 anos, matou a ex-companheira, Rosileia Pereira Freitas, 36, a facadas, na tarde desse sábado (13/2). O crime ocorreu no meio da rua, na QND 52, em Taguatinga.

As imagens mostram que a mãe da vítima tentou, com golpes de sombrinha, impedir o ataque do agressor, mas ele não parou de golpear a ex-mulher.

O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas nada pôde fazer pela mulher, que morreu no local. Rosileia foi assassinada com mais de 30 facadas, principalmente na região do pescoço.

Veja o momento:

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Subtenente é preso a caminho do motel com menino de 13 anos; Após a prisão o Policial tenta o suicídio
Propaganda

Nacional

Briga de triangulo amoroso entre homens causa morte de três crianças em incêndio

Publicados

em

Três crianças estavam trancadas no quarto quando a casa pegou fogo. A suspeita é de que um triângulo amoroso pode estar por trás da motivação da morte dos três. A polícia investiga por que as crianças estavam trancadas no quarto e por que ele não arrombou a porta.

O fato ocorreu em Poá, em São Paulo. Um dos pais das vítimas, Ricardo Reis de Faria e Vieira, de 33 anos, está preso sob suspeita de ter provocado o incêndio. Ricardo foi companheiro de Leandro Vieira por 16 anos. O relacionamento terminou há três meses por conta de uma traição de Ricardo, que se relacionou com um outro homem por cerca de um ano. Leandro descobriu e terminou tudo. Hoje, Leandro tem um novo relacionamento, justamente com o ex-amante de Ricardo.

A polícia investiga se a relação pode ter motivado o possivel crime. A expectativa é ouvir essa semana parentes, amigos e outras testemunhas sobre a relação.

Ricardo, que acionou a polícia, deu diferentes versões para o incêndio e chegou a dizer à polícia que o responsável seria o atual namorado de Leandro.

Leia Também:  Subtenente é preso a caminho do motel com menino de 13 anos; Após a prisão o Policial tenta o suicídio

A polícia entrou novamente na casa e levantou pistas importantes que reforçam a hipótese de crime. Além da porta do quarto, a porta do banheiro da suíte onde as vítimas dormiam estava trancada, reduzindo assim, as rotas de fuga das chamas. As chaves do quarto também não foram encontradas.

O delegado responsável pelas investigações, Eliardo Amoroso Jordão, contou ao Cidade Alerta, da Record TV, que com a polícia está um molho de chaves em que deveria, mas não está, a chave do quarto. A polícia também investiga qual era o remédio que Ricardo alega ter tomado naquela noite. Ele chegou a dizer que chegou a ouvir os gritos da filha mais velha, Fernanda, de 14 anos, mas chegou a dizer que não sabia dizer se se tratava de um sonho. Ele também chegou a alegar que as crianças haviam sido raptadas. A família morava há seis meses na casa, que passou por reformas e teve a parte elétrica refeita, segundo a polícia.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA