.
.

Policial

HOJE: Polícia deflagra operação contra criminosos que fizeram ritual de espancamentos e choques elétricos

Publicados

em

image_pdfimage_print

A Polícia Civil deflagrou nesta quinta-feira (09.12) mais uma fase da Operação Comando da Lei, coordenada pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cuiabá (DHPP) para cumprimento de mandados de prisão contra envolvidos no homicídio de uma mulher, ocorrido em julho do ano passado, no bairro Pedregal.

Natana da Silva, 30 anos, sofreu um ritual de espancamentos seguido de choques elétricos. Conforme atestado no exame de necropsia, a vítima chegou a receber 70 choques no corpo. O “salve foi executado depois que ela teve a morte ordenada por uma facção criminosa porque, supostamente, teria praticado o furto de um celular.

A vítima foi encontrada em uma rua do bairro Pedregal, já perto do Jardim Renascer, pedindo socorro em uma casa, bastante debilitada pelos espancamentos. Ela foi socorrida por familiares e levada ainda com vida a um hospital particular de Cuiabá, onde foram feitas tentativas de reanimação, mas foi a óbito horas depois em consequência das lesões sofridas.

De acordo com o delegado que preside o inquérito, Caio Fernando Álvares Albuquerque, parte dos alvos identificados na apuração, conduzida pelo núcleo de investigação de homicídios cometidos a mando de facções da DHPP, era monitorada por tornozeleira eletrônicas e teve a presença no local do crime confirmada durante as diligências realizadas.

Leia Também:  Polícia Civil e Conselho Tutelar realizam ação preventiva em estabelecimentos comerciais de Confresa

Os policiais da DHPP apuraram ainda que os envolvidos no homicídio retiraram câmeras de monitoramento que estavam instaladas próximas à área onde ocorreu o crime, a fim de dificultar a identificação dos criminosos.

As equipes da DHPP estão nas ruas para cumprir mandados de prisão temporária e de busca e apreensão domiciliares contra os investigados.

 

Com Assessoria

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Policial

Camionete levada de vítimas em Lucas do Rio Verde é recuperada pela Polícia Civil

Publicados

em

Por

image_pdfimage_print

Uma camionete e pertences roubados de uma família em Lucas do Rio Verde foram recuperados na quinta-feira (19) e três suspeitos do crime autuados em flagrante por roubo qualificado.

O roubo ocorreu no início da noite de quarta-feira, quando os três criminosos chegaram à chácara, na BR-163 e armados, renderam as vítimas e levaram objetos pessoais, dinheiro e uma camionete Toyota Hillux branca.

Os três suspeitos foram localizados pela PM e conduzidos para a delegacia de Lucas do Rio Verde, onde o flagrante foi lavrado e encaminhado ao Poder Judiciário. Os três foram autuados por roubo qualificado.

Após investigações, uma equipe da Delegacia de Lucas do Rio Verde apreendeu a camionete Hilux roubada em uma residência. No interior do veículo havia pertences subtraídos, como um notebook e um DVR e foi recuperada também uma espingarda de pressão levada das vítimas.

O veículo foi localizado numa região de mata, próxima a uma plantação de milho, a cerca de 200 quilômetros da cidade.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Escrivã da Polícia Civil ministra palestra durante congresso acadêmico em Barra do Garças
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA