Policial

Polícia Civil prende três suspeitos por envolvimento em associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo

Published

on

Três suspeitos envolvidos com uma facção foram presos em flagrante pela Polícia Civil, na noite desta segunda-feira (04.07), em Tangará da Serra, por porte de arma de fogo de uso restrito, uso de documento falso e associação criminosa.

Durante uma investigação, a equipe da 1ª Delegacia de Tangará da Serra tomou conhecimento de que integrantes de uma facção criminosa, em vingança a um homicídio ocorrido no domingo, teriam jurado de morte integrantes de um grupo rival.

Os policiais passaram a acompanhar uma mulher que faria a entrega de armas de fogo que seriam utilizadas na execução de rivais. Os investigadores flagraram o momento em que a suspeita se encontrou com um criminoso no bairro Morada do Sol e deixou com ele uma arma de fogo.

Ela estava em uma camioneta S10 quando foi abordada pela equipe policial, na Avenida Ismael do Nascimento, e apreendidos dois revólveres de calibres 38 e 44. O motorista do veículo apresentou uma carteira de habilitação falsa e também foi preso.

Leia Também:  Corpo de homem é encontrado por peão em fazenda

A equipe da 1ª Delegacia permaneceu acompanhando o suspeito que teria recebido a terceira arma, e quando ele se preparava para deixar sua residência foi surpreendido pelos policiais civis.

Ele tem diversos registros criminais, resistiu à prisão e tentou disparar contra os policiais, que necessitaram agir em legítima defesa. O suspeito foi socorrido pelo Samu e levado ao hospital municipal. Nenhum dos policiais ficou ferido durante a ação.

Foram apreendidas três armas de fogo e 37 munições em poder dos criminosos. Todos foram autuados em flagrante na 1ª Delegacia e depois conduzidos para unidades do Sistema Penitenciário.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Policial

Pai faz filho de nove meses refém e esfaqueia esposa

Published

on

Na noite de domingo (14), na cidade de Jaciara (143 km de Cuiabá) um homem esfaqueou a esposa e ameaçou matar o filho de apenas 9 meses e o usou como refém.

Segundo informações, o marido tentou matar a esposa a facadas, mas ela colocou a mão na frente da faca. Foi atingida, porém, conseguiu se defender e escapou casa deixando o bebê ainda no local.

Com isso, o homem trancou toda a residência e se mostrava nervoso, proferindo ameaças direcionando a faca ao menor. A polícia foi acionada e negociações foram feitas até a liberação da vítima e a rendição do criminoso.

O  agressão jogou a faca no chão e abriu a porta da casa. Em seguida foi preso e responderá por tentativa de feminicídio, sequestro e cárcere privado. Já a mulher foi socorrida e levada à uma unidade de saúde com um corte na mão.

Os filhos do casal, a vítima de nove meses e seus irmãos, de 12, 11 e 2 anos foram encaminhados para o Conselho Tutelar da cidade. O caso é investigado.

 

Jornalista: Fabiane Serra

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Corpo de homem é encontrado por peão em fazenda
Continue Reading

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA