Voz Pet

Homem armado invade casa do vizinho e mata cachorro a paulada e tiros em MT

Publicados

em

Um homem foi preso no domingo (7), acusado de atirar contra um cachorro no Distrito de Analândia do Norte próximo ao município de Marcelândia (710 km de Cuiabá).

O homem saiu de sua casa e foi armado até a casa de um vizinho. Chegando lá, ameaçou a vítima e atirou contra o cachorro. Após o tiro, enquanto o animal ainda agonizava, o acusado proferiu vários golpes com pedaço de madeira até confirmar a morte. 

Após o ocorrido, o acusado pegou o animal e jogou em um terreno baldio próximo da casa onde vive. 

Além do crime de maus-tratos, também foi registrada uma ameaça contra o vizinho e responsável pelo cachorro.

Diante das informações, policiais iniciaram rondas pela região e encontraram o homem caminhando pela avenida São Paulo.

No momento em que foi detido, o acusado afirmou que a arma utilizada no crime, uma espingarda calibre 28, estava na casa de seu irmão.

No local indicado pelo homem, a polícia conseguiu apreender a arma junto de uma uma jaqueta camuflada.

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Brinquedos interativos estimulam inteligência e reduzem estresse dos bichos
Propaganda

Voz Pet

Brinquedos interativos estimulam inteligência e reduzem estresse dos bichos

Publicados

em

Você sabia que é possível estimular a inteligência do seu pet e deixá-lo mais esperto, saudável e muito menos estressado?

Todo esse super pacote vem com as atividades propostas pelos brinquedos interativos através dos quais cães e gatos resolvem desafios na busca por alimentos escondidos ou caças simuladas, o que promove um bem-estar físico e mental para os bichinhos.

Quando você oferece ao seu pet a cota diária de alimento de maneira desafiadora, promove um enriquecimento cognitivo porque ele precisa pensar como vai resolver o problema para conseguir o objetivo que é a ração.

Estimular os sentidos desse animalzinho é muito importante”, diz o veterinário comportamentalista Dalton Ishikawa, fundador da Pet Games.

Ishikawa é o criador dos brinquedos interativos em forma de tabuleiros para que cães e gatos descubram os alimentos escondidos. Um exemplo é a “roleta”, onde os pets precisam remover pinos, copos, girar um disco e empurrar pequenas cartolas até destravá-las para descobrir e comer grãos de ração ou petiscos.

Há também os do tipo recheáveis e os comedouros lentos que mais parecem um labirinto, todos com a missão de impor desafios para os cães e gatos.

Leia Também:  Seu cachorro ou gato está obeso? Saiba como identificar sobrepeso no animal

Um grande questionamento dos tutores é que o cachorro tem uma montanha de brinquedos e não interage ou destrói.

Muitos têm uma proposta interativa e nem sabem brincar com aquilo. A pessoa compra uma pelúcia e o pet não brinca, mas quando você associa a uma coisa mais visceral, é bem mais prazeroso para o animalzinho.

As famílias agora voltarão a deixar os cães sozinhos e eles podem gastar energia nessas brincadeiras interativas, diferente de só morder e destruir uma pelúcia”, afirma Dalton.

Por UOL

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VÍDEO INSTITUCIONAL

Beth`s Grill Restaurante

VÍDEO INSTITUCIONAL

VÍDEO INSTITUCIONAL

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

MUNICÍPIOS

MAIS LIDAS DA SEMANA